Resultado do 2º Desafio Literário da Revista Pacheco

Entre os dias 31 de março e 14 de abril, a Revista Pacheco recebeu textos para seu 2º desafio literário. Desta vez, foi trabalhado o conto, sobre o tema "Contos de Fadas", em quaisquer gêneros (terror, ficção científica, policial, mainstream, alta fantasia, steampunk, etc.). Recebemos mais de 30 textos, com muito boa qualidade literária, e o objetivo de promover a interação entre novos autores e os mais experientes foi plenamente alcançado.

Confira agora os selecionados do 2º Desafio Literário da Revista Pacheco - "Contos de Fadas":

 1 - Essência - Cristina de Abreu

2 - O incrível João Coração de Leão - Tiago Quintana

3 - Verde Musgo - Jefferson Lemos

4 - Kuchisake Onna - Edweine Loureiro

5 - Verhaltensbeobachtung - Adnelson Borges de Campos

6 - A rainha mais bela de sempre - Maria de Fátima Esteves Martins

7 - O cinderela - Juliano Marques

8 - Sofia das estrelas - Gilson Luis da Cunha

9 - A chave mágica - Neyd Montingelli

10 - Os 7 - Edwart Angst
Aos selecionados, os cumprimentos e agradecimentos da Revista Pacheco, por terem participado do certame.

Muitos contos enviados não puderam ser aproveitados no desafio por conta de uma confusão entre a unidade de medida dos textos utilizada no regulamento, a "palavra", por "caracteres", unidade de medida comum em concursos literários.

Os dez selecionados integrarão um e-book no formato Portable Document Format (pdf), disponível gratuitamente para download no site, os cinco primeiros colocados terão seus textos publicados permanentemente na Revista Pacheco.

Os textos de autores não vencedores poderão ser publicados na REVISTA PACHECO, por conta das atualizações do site, ao longo do ano corrente, os autores que não desejaram ter o conto publicado em atualizações já se manifestaram por ocasião da inscrição.

Aos autores pertence o direito exclusivo de utilização, publicação ou reprodução de suas obras. Ou seja, os textos publicados na REVISTA PACHECO não terão exclusividade de publicação, todos eles poderão ser publicados em outros sites/blogs ou inscritos em concursos afins, desde que não infrinjam o regulamento destes.

Aos autores será facultada a possibilidade de revisão de seus textos para a publicação no site e no e-book, o que deverá ser feito até o dia 18 do corrente mês. Os autores dos cinco primeiros textos também poderão enviar imagens em boa resolução para a ilustração de seus contos, também até o dia 18 de maio.

Saiba mais sobre os autores do 2º Desafio Literário da Revista Pacheco - "Contos de Fadas"

  • Cristina de Abreu
cristina.abreup@gmail.com              
 
Cristina de Abreu, moradora de Niterói – RJ, casada, casal de filhos pequenos, 43 anos. Sua atração pelas palavras e a comunicação a levou à faculdade de Comunicação Social da UFF, onde se formou em 1992. É publicitária e servidora pública. Trabalhou com Comunicação Social / Marketing no BANERJ, Banco Bozano Simonsen, na CNEN, foi Oficial da Marinha do Brasil e atualmente trabalha na Justiça Federal do Rio de Janeiro. E decidiu começar a escrever contos e estórias em 2014.
  • Tiago Quintana

Tradutor profissional e mestrando de Linguística Aplicada pela UFRJ na área de Discurso e Transculturalidade. Estudioso de narrativas clássicas e medievais, especialmente as tragédias gregas e as sagas e poemas nórdicos. Leitor assíduo de fantasia em suas muitas formas: espada e magia, fantasia épica, contos de fada, e afins.
  • Jefferson Lemos
jeffersonlemos_@hotmail.com              
 
Jefferson Lemos, 21 anos, entrou para esse meio literário há menos de um. Apreciador de autores como Stephen King e Neil Gaiman, que servem de grande influência em seus escritos. Pretende iniciar a faculdade em breve, e trabalha em um romance com temática Steampunk.
  • Edweine Loureiro                                  
edweine@yahoo.com.br                 

Edweine Loureiro nasceu em Manaus em 1975. É advogado, professor de idiomas e reside no Japão desde 2001. Premiado em diversos concursos literários no Brasil, Portugal, Espanha, México, Japão e nos Estados Unidos, é autor dos livros Sonhador Sim Senhor! (2000), Clandestinos (2011), Em Curto Espaço (2012) e No mínimo, o Infinito (2013).
  • Adnelson Borges de Campos
adnelsoncampos@ibest.com.br                  

Adnelson, 50 anos, Administrador, atuando na Petrobras desde 1986, é Gerente de Mineração da Unidade de Industrialização do Xisto em São Mateus do Sul – PR. Começou a escrever e participar de concursos mais recentemente e teve alguns de seus títulos selecionados e publicados em antologias de contos.
  • Maria de Fátima Esteves Martins
fatimaesteves13@gmail.com
https://www.facebook.com/fatimaesteves13?ref=hl

Sou natural do concelho de Mação, no distrito de Santarém (Portugal). Vivo há mais de duas décadas na cidade de Coimbra, onde me licenciei em Línguas e Literaturas Modernas, na faculdade de Letras da universidade mais antiga de Portugal. Sou apaixonada por esta cidade, pelas suas pessoas, pela sua cultura e tradições. No final de 2013, criei a minha página – “Era uma vez” - onde publico pequenos textos escritos, da minha autoria, alguns dos quais escritos a partir de desafios colocados por escritores. No início de 2014, comecei a enviar textos para concursos, tendo ganho um terceiro prémio num concurso cujo tema era – “Peço um desejo para 2014”.
  • Juliano Marques
Gosto de criar e contar estórias.
  • Gilson Luis da Cunha
gilsonlcunha@gmail.com
www.jornalnh.com.br/blogs/entretenimento/diario_de_bordo

Gilson Luis da Cunha é doutor em genética e biologia molecular pela UFRGS, pesquisador na área de envelhecimento biológico, fã incondicional de ficção científica e fantasia desde que se entende por gente. Teve dois contos publicados, no distante ano de 1987. Espera com esse trabalho retomar a estrada da ficção, que deixou há quase trinta anos. Nasceu em 1965, em Porto Alegre, onde vive com sua esposa e com sua filha,  a pequena musa que inspirou esse conto.
  • Neyd Montingelli
neydm@brturbo.com.br
www.neydmontingelli.com.br

Neyd Montingelli nasceu em Curitiba é casada e tem 4 filhas e um netinho. Formada em Psicologia e com especialização em Leite, queijos e Nutrição. Trabalhou na Caixa Econômica e já teve um Laticínio. Tem 5 livros publicados e mais 9 em  antologias. Escreve mensalmente no site Hipismo&Co contos sobre cavalos e no site Farmpoint receitas com derivados caprinos. Foi premiada no concurso A Coroação em dez/2013, A Roupa do Imperador de Mar/2014 de contos e no concurso de crônicas Verso e Liberdade 2014.
Escritor amador.

8 comentários:

  1. Muito feliz. Quero agradecer a Revista Pacheco pela grande felicidade proporcionada e parabenizar a todos os colegas pelo lindo concurso. E Parabens, George, pela belissima organizacao. Abracos a todos. Edweine Loureiro

    ResponderExcluir
  2. Obrigado aos colegas que me deram seu voto, fico muito feliz com o resultado. Primeira vez que venho aqui, e com certeza irei voltar. Obrigado também ao George Pacheco, pela organização e a oportunidade de nós mostrarmos um pouquinho do que tem vagueando por nossas mentes criativas. rs
    Parabéns a todos!
    Forte abraço!

    Jefferson Lemos

    ResponderExcluir
  3. Parabéns aos colegas premiados. Honrada em participar.

    ResponderExcluir
  4. Adorei participar e ter contato com outros autores! Gratificante e enriquecedor! Parabéns à Revista Pacheco.

    ResponderExcluir
  5. Meus agradecimentos aos colegas e organizadores pela leitura crítica e pela paciência em ler meu texto.
    Muito obrigado a todos.
    Gilson Cunha

    ResponderExcluir
  6. Obrigado pela oportunidade. Parabéns a todos!

    ResponderExcluir
  7. agradeço pelas notas.... no primeiro desafio fiquei em primeiro e no segundo em sétimo.... está ótimo a evolução . hehehe. abraço a todos e parabéns a todos...

    ResponderExcluir
  8. Parabéns à revista pela organização. Parabéns aos vencedores pelo sucesso. Obrigada a todos os que comentaram a minha história. Tive muito gosto em participar neste concurso e, com certeza, cresci mais um pouco. Muito Obrigada pela oportunidade.

    ResponderExcluir

Publicidade

http://www.tertuliaonline.com.br/
http://www.revistapacheco.com/p/contato_507.html

Destaques

A primeira vez em que eu quase morri

Uma experiência de quase morte não é algo muito fácil de esquecer, sobretudo quando se tem 16 anos. Nessa época, eu era um rapaz latino-americano, franzino e com algumas espinhas na testa. É verdade, era mais do que eu desejava, se é que alguém deseja ter espinhas. Eu era o típico adolescente: cheio de sonhos, impulsivo e medroso. Mais medroso que impulsivo, aliás.

Sobre o apego e as lembranças que escapam lentamente

O primeiro bem que meu pai me deixou, meio sem querer, foi seu aparelho de telefone celular. Não é um smartphone, não acessa a internet. A câmera fotográfica integrada tem parcos megapixels. As pessoas riem do aparelho quando são apresentadas a ele, sem saber que ali dentro, naquela caixa preta, está guardada minha pequena herança particular.

"Uma Aventura Perigosa"

Max de Castro é um funcionário público insatisfeito com trabalho e com problemas no casamento. Após uma crise de estresse em pleno expediente, incentivado por um psicanalista em um programa de entrevistas, escreve uma carta confessional, que deve ser escondida e destruída em 24 horas, mas a mesma desaparece, antes que ele pudesse fazê-lo. Começa então o inferno de Max, angustiado pela possibilidade de seus maiores segredos serem descobertos, ou por sua esposa, ou por sua cunhada, a jovem Sophia, por quem se sente fortemente atraído.

Cinema: Frances Ha

Em Frances Ha (2012), Frances (Greta Gerwig) é uma jovem nova-iorquina de 27 anos que não corresponde às expectativas idealistas de uma sociedade que exige do indivíduo o sucesso em questões profissionais e afetivas nessa fase. Ao contrário, como muitos jovens nessa idade, Frances ainda não faz ideia do que, para ela, é ser bem sucedida. O artista francês Eugène Delacroix escreveu em 'Diário' que para se chegar a segurança e maturidade do espírito é necessário passar pela sutil delicadeza da nossa sensibilidade juvenil.
As imagens postadas neste site foram retiradas da internet ou enviadas por colaboradores. Se é proprietário de alguma imagem e se sentiu ofendido, por favor, entre em contato conosco e ela será rapidamente tirada do ar.