Escritor baiano participará de um evento em Santiago de Compostela


Paulo Soriano, natural de Itabuna-BA, é contista, explorando sobretudo o gênero terror. O evento literário acontecerá em 08 de julho, na Livraria Ciranda e Soriano pretende dar a conhecer, um pouco, na Galiza, a Literatura Fantástica no Brasil, abortando os gêneros terror e ficção científica, deverá, ainda falar sobre “A Irmandade”, confraria que reúne autores dos mencionados gêneros, prevendo o lançamento de uma antologia de contos  escrita pelos seus membros, inclusive o próprio  Paulo, e organizada pelo diligente contista Lino França Jr.

É autor das coletâneas de contos "Histórias Nefastas" (Corifeu, Rio de Janeiro, 2008) e "Contos Galegos" (Agbook, São Paulo, 3ª. Edição,  2013).Além de exercer o magistério superior, mantém na internet o sítio “Contos de Terror” (www.contosdeterror.com.br), em parceria com o escritor fluminense Luciano Barreto. Foi um dos contistas laureados no “VII Prêmio Literário Asabeça” (2007) e no certame “Brasília é uma Festa” (2012).

Organizou  e participou, como coautor ou cotradutor, das antologias Irmandade das Sombras (CBJE,  Rio de Janeiro/RJ, 2008), I Concurso Literário Contos Grotescos ─ Prêmio Edgar Allan Pöe (CBJE,  Rio de Janeiro/RJ, 2010) e Mestres do Terror (Edizer Editora, Santiago de Compostela,  2010).

Integrou, ainda, como coautor, as seguintes antologias: Olhares em Pernambuco (Edição Pernambuco.org, Recife/PE, 2007),  Sociedade das Sombras (Editora Estronho, Belo Horizonte, 2011)  e A Irmandade (CBJE,  Rio de Janeiro/RJ, 2013).

No âmbito da ficção científica, pretende divulgar o trabalho de um dos mais importantes escritores do gênero no Brasil, Roberto de Sousa Causo, levando ao leitor galego alguns exemplares de seu mais novo livro, Glória Sombria. Também tenciona  falar um pouco sobre o mercado editorial brasileiro, divulgando o excelente trabalho da Editora Nephelibata, dirigida pelo  excelente escritor e tradutor Camilo Prado.

Pacheco também é cultura!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade

http://www.tertuliaonline.com.br/
http://www.revistapacheco.com/p/contato_507.html

Destaques

A primeira vez em que eu quase morri

Uma experiência de quase morte não é algo muito fácil de esquecer, sobretudo quando se tem 16 anos. Nessa época, eu era um rapaz latino-americano, franzino e com algumas espinhas na testa. É verdade, era mais do que eu desejava, se é que alguém deseja ter espinhas. Eu era o típico adolescente: cheio de sonhos, impulsivo e medroso. Mais medroso que impulsivo, aliás.

Sobre o apego e as lembranças que escapam lentamente

O primeiro bem que meu pai me deixou, meio sem querer, foi seu aparelho de telefone celular. Não é um smartphone, não acessa a internet. A câmera fotográfica integrada tem parcos megapixels. As pessoas riem do aparelho quando são apresentadas a ele, sem saber que ali dentro, naquela caixa preta, está guardada minha pequena herança particular.

"Uma Aventura Perigosa"

Max de Castro é um funcionário público insatisfeito com trabalho e com problemas no casamento. Após uma crise de estresse em pleno expediente, incentivado por um psicanalista em um programa de entrevistas, escreve uma carta confessional, que deve ser escondida e destruída em 24 horas, mas a mesma desaparece, antes que ele pudesse fazê-lo. Começa então o inferno de Max, angustiado pela possibilidade de seus maiores segredos serem descobertos, ou por sua esposa, ou por sua cunhada, a jovem Sophia, por quem se sente fortemente atraído.

Cinema: Frances Ha

Em Frances Ha (2012), Frances (Greta Gerwig) é uma jovem nova-iorquina de 27 anos que não corresponde às expectativas idealistas de uma sociedade que exige do indivíduo o sucesso em questões profissionais e afetivas nessa fase. Ao contrário, como muitos jovens nessa idade, Frances ainda não faz ideia do que, para ela, é ser bem sucedida. O artista francês Eugène Delacroix escreveu em 'Diário' que para se chegar a segurança e maturidade do espírito é necessário passar pela sutil delicadeza da nossa sensibilidade juvenil.
As imagens postadas neste site foram retiradas da internet ou enviadas por colaboradores. Se é proprietário de alguma imagem e se sentiu ofendido, por favor, entre em contato conosco e ela será rapidamente tirada do ar.